hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta A História do Jornal
11-Dez-2017
 
 
Menu Principal
Início
Edições
Notícias
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Revista O Brazinha
Aniversário do Brás
EDIÇÃO 332 - 30/11 a 15/12/2017
Image
Curta-nos, siga-nos
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 3373240
Flash de Notícias

Apartir de agora estará disponiveis para downloads as Edições do Jornal do Brás em pdf, para que o internauta leia na integra o nosso jornal. Entre na seção de Edições do menu principal.

Caso não tenha um leitor de PDF, entre em www.adobe.com e baixe a última versão do Adobe Reader.

Webmaster

 
A História do Jornal PDF
Classificação: / 38
FracoBom 
22-Jan-2008

Image

 

Jornal do Brás é

herança de tradições 

 

Fundado em 20/10/1989, o Jornal do Brás é herdeiro das tradições pela Família Bairão, cujo patriarca Albino Soares Bairão foi o fundador do primeiro jornal de bairro de São Paulo, de nome “O Braz” em 1/9/1895. LEIA A EDIÇÃO EM PDF .

O bairro do Brás é por excelência o mais famoso lugarejo do mundo de cuja maioria dos países chegam 300.000 a 500.000 pessoas por dia, para compras no bairro, volume esse que se quintuplica em datas especiais, como Natal, Dia das Mães, etc, a ponto de insuflar a região com cerca de 2 milhões de pessoas por dia, interligando com a região da não menos famosa rua 25 de Março com semelhante presença de visitantes dentro do Turismo de Compras.
Entre os 6.500 estabelecimentos comerciais aqui localizados, o Brás conta ainda com mais de 100.000 funcionários, daí toda essa pujança de região inédita que arrecada o montante surpreende
nte e imbatível de R$ 9 bilhões por ano.

 

 

HiImagestórico

O bairro do Brás foi fundado no Brasil Colônia, em 8 de junho de 1818, por Carta Régia do então Imperador Dom João VI desmembrando sua arca da Freguesia da Penha, passando assim a ter marcha independente.
Entrementes, acompanhando a estagnação da própria cidade que desde 1554 vivia somente de chácaras e pequenos armazéns, o bairro do Brás marchou mais rápido, como anfit
rião do período de imigração no final do século 19, isso por volta de 1890, 1900 principalmente com a chegada dos europeus, em particular os italianos que desembarcavam no bairro fincando raízes em toda a região, uns com tecelagens, cantinas, pastifícios, laticínios, siderúrgicas e centenas de outros segmentos, acolitados pelos portugueses que aqui implantaram fábricas de doces, casas de carnes, padarias, etc, mais tarde somando-se com espanhóis e árabes, estes no ramo de tecidos.

 

 

 

 

 


ImageO Progresso
Engrenagens ativas 24 horas por dia, o Brás se ergueu muito rapidamente, atraindo outras centenas de empreendedores e passou então a se projetar cada vez mais, hoje com sólidas indústrias e estabelecimentos comerciais de milhares de segmentos.
Sua história se mescla com seu progresso não se esquecendo de seus múltiplos problemas oriundos da própria co
ncepção, questões essas que merecem permanente e acelerada atenção de seus órgãos logísticos, ligados à segurança, saúde, educação, transporte, etc, atrelados ao seu dia a dia de bairro pioneiro, festivo e religioso, com destaque para os padroeiros Bom Jesus do Brás, São João Batista, Santo Antônio, Santa Rita, São Pedro, Madona Casaluce, São Vito Mártir e San Gennaro.

 

 

 

 

 

 

 

ImageImprensa de Bairro
Tal como todos os bairros, o Brás tem no Jornal do Brás seu órgão oficial de comunicação. Desde que surgiu em 20/10/1989 preenchendo uma lacuna de quase 20 anos sem nenhum informativo, o Jornal do Brás iniciou suas atividades na rua Piratininga, 841, com um corpo de repórteres que de imediato, procedeu a várias pesquisas sobre o bairro, sua história, sua data de fundação, etnias, ruas, praças, entidades, órgãos em geral, etc.
A primeira iniciativa foi propor a criação da Praça José Brás – nome do fundador do bairro – um chacareiro benemérito que havia iniciado a construção da Igreja Bom Jesus de Matozinhos – hoje Igreja Bom Jesus do Brás. O decreto lá surgiu imediatamente por despacho da então prefeita Luiza Erundina, denominando a praça defronte ao Metrô Brás, de Praça Benemérito José Brás.
Ato contínuo, em abril de 1990, o Jornal do Brás fundou o Conseg Brás – Conselho Comunitário de Segurança, atualmente com a denominação de Conseg Brás/Belenzinho.

 

 

 

 

 

ImageAinda nessa época participou da fundação do Conseg Brás/Pari.
Em 1994 lançou a Rev
ista O Brazinha para as crianças do Bairro e criou o I Centenário da Escola Estadual Romão Puiggari.
Em termos de moda
, promoveu retumbantes eventos como Cinderela do Inverno, Top Model Brás e outros.
Desde 1990 realiza no segundo domingo de junho a Festa de Aniversário do Brás, com lanches e frutas para o público, atendimento médico, show artístico e distribuição de
brinquedos.
Realiza, ainda todos os anos no mês de dezembro, o Jantar Empresário Empreendedor em forma de congraçamento.
Em 2004, em parceria com o Rotary Club Alto da Mooca, fundou o Rotary Club Brás, recebendo em homenagem o Prêmio Paul Harris.

Em 2006 iniciou a realização mensal na última quarta-feira de cada mês, da Tarde de Chá Jornal do Brás, atualmente toda última terça-feira do mês no Clube Maria Zélia (rua dos Prazeres, 362 esquina com rua Cachoeira, nº 1) com participação de 1.000 a 1.500 pessoas, tal a diversificação de serviços inteiramente grátis, como palestras, degustação, show artístico, atendimento médico e terapêutico, desfiles, sorteio de brindes, etc.

 

 

 

 

 

 

 


ImageAbrangência
Hoje com tiragem de 30.000 exemplares, 12 páginas em quadricromia, o Jornal do Brás é uma verdadeira referência do bairro, com distribuição em todas as bancas do Brás, Belenzinho, Pari, Belenzinho, Mooca Baixa, Ponte Pequena, Canindé, Bom Retiro, Luz, Vila Guilherme e Vila Maria, além de todo o comércio, residências, clubes sociais e desportivos, igrejas, feiras livres, Metrô Brás e Bresser, além de mailing list para 4.000 personalidades, poetas, autoridades constituídas e agências de publicidade.
Quanto à qualidade de impre
ssão, paginação, seleção de assuntos, diagramação e demais detalhes, deixamos à inteira apreciação de todos aqueles que gostam de ler um bom jornal, principalmente de bairro, que no total, somam 1 milhão de exemplares distribuídos gratuitamente em suas respectivas regiões, com ética, responsabilidade e respeito.
Por tudo isso e muito mais, pedimos que o Jornal do Brás possa merecer seu voto de confiança na divulga
ção de sua publicidade.

 

Atenciosas Saudações
Equipe Jornal do Brás
2618-1378

2692-0081
2692-3469

2692-6694
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email
Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email
www.jorbras.com.br



Revista O Brazinha

Suplemento infantil cultural do Jornal do Brás - EM BREVE IRÁ VOLTAR

Image

 

Edição nº 1 - Junho de 1994

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 Edição nº 4 - Novembro de 1994

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

Edição nº 5 - Janeiro de 1995

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

Edição nº 5 - Janeiro de 1995

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 Edição nº 6 - Março de 1995

 

 

 


                       


                                 
                                           



                                  
                  


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 
 
 
 
Top! Top!