hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias seta Edição 375 seta AOMESP abre eleição democrática
16-Dez-2019
 
 
Menu Principal
Início
Edições
Notícias
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Revista O Brazinha
Aniversário do Brás
EDIÇÃO 376 - 1ª quinzena de dezembro/2019
Image                            

Redes Sociais
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 6963006
AOMESP abre eleição democrática PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
25-Nov-2019


Presidente da entidade destaca salto de 5.300 para 24.000 associados em sua gestão

Dia 3 de dezembro das 9h às 17h, haverá a eleição da nova diretoria da Associação dos Oficiais Militares do Estado de São Paulo – AOMESP, para o quadriênio 2020/24, tanto na Sede, localizada à rua Tabatinguera, 278, como nas nove Regionais. Em entrevista ao Jornal do Brás, o atual presidente, Coronel Jorge Gonçalves, candidato à reeleição, lembrou que ingressou na entidade quando era denominada Associação dos Oficiais da Reserva da Polícia Militar – AORPM.

A AOMESP passou por várias denominações desde sua fundação em 1935 por Oficiais Reformados da Força Pública. Posteriormente, ela absorveu o Clube dos Tenentes, sendo então chamada Clube dos Oficiais da Reserva da Polícia Militar e depois, Associação dos Oficiais da Reserva da Polícia Militar.

ImageJorge Gonçalves está no terceiro mandato há 10 anos na presidência da AOMESP. Ingressou em 2009 quando o mandato era de três anos, atualmente quatro anos.

Entre as ações, disse, desde que começou a integrar a administração da entidade, foi promover a racionalização do serviço, tornando-o mais eficiente, estabilizando a instituição então enfraquecida pelo baixo número de filiados.

 

Administração produtiva

Antes de estar na presidência, Jorge ocupava o cargo de vice-presidente com o saudoso presidente Coronel Cruz, cuja preocupação já era com o quadro associativo. “Criamos normas internas, mudanças de estatuto e conseguimos enxugar a administração. E começamos a agilizar a conquista de direitos judiciais”.

Quando Jorge assumiu a diretoria, havia 5.300 associados em 2010. Depois, esse número foi crescendo, chegando hoje em 24.000, ressaltou o Coronel Jorge Gonçalves. “Conseguimos superar aquela fase crítica, com novas metodologias, e obtendo um posicionamento compatível com a necessidade da administração”.

Um dos objetivos foi valorizar a Sede e as Regionais, tanto estatutariamente, como dar a elas maiores atribuições. “Houve tempo em que eram muito deficitárias. Conseguimos introduzir normas que deram sustentação e liberdade, maior autonomia. Modernizamos os prédios e fundamos duas novas Regionais (São José do Rio Preto e Presidente Prudente)”, disse ele. A AOMESP conta com as nove Regionais muito bem estruturadas.

ImageAOMESP democrática

Ainda na entrevista, Jorge Gonçalves salientou que a entidade é democrática, do soldado ao coronel. “Os direitos mudam em relação à candidatura e votação. Para se candidatar a algum cargo, precisa ser associado efetivo e cumprir um interstício”. Ele enfatizou que a contribuição é taxa única, mantida há mais de 6 anos.

A importância da eleição

Sobre o dia da votação, ele acredita que irá aumentar o número de votantes. Na última eleição, foram registrados mais de 2.000 associados. Ele trabalha com hipótese de 8.000. “Temos dificuldade de locomoção na cidade. Aquele associado com mais disponibilidade de tempo, sente a satisfação de cumprir o dever do voto”.

Jorge Gonçalves cogita aumentar o número de Regionais. Mas ainda depende de estudo, de acordo com a situação atual, ponderou ele, destacando, entre os benefícios, que em todas as Regionais, a AOMESP faz a Declaração do Imposto de Renda do associado, tudo pago pela entidade. “Criamos também a Assistência Funeral. Hoje com o falecimento do contribuinte ou dependente, basta a família entrar em contato com a MAPFRE Seguros, que tem toda prestação de serviço até o limite de R$ 4.400,00, sem despesa nenhuma. A associação também custeia confraternizações”.

 

Dinamismo e Seriedade

Finalizando a entrevista, Jorge disse que está otimista em continuar na presidência da AOMESP e deixou mensagem a todos os associados e pensionistas, em todos os campos de atividade. “Que continuem nos apoiando. É diante do apoio deles que se projeta o conceito da associação. A força da AOMESP pulsa sobre o apoio do associado, aí ela tem condições de debater direitos e vantagens e evitar distorções na legislação, através dos meios jurídicos. Vamos procurar seguir o mesmo trabalho, dentro do mesmo critério e da mesma filosofia de administração, procurando sempre o melhor. Nosso objetivo é crescer, com sustentabilidade, construir mais e melhor ao menor custo, com o mesmo dinamismo e seriedade”, finalizou o Coronel Jorge Gonçalves.

 

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!