hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias seta Edição 359 seta Por que as árvores caem?
23-Mai-2019
 
 
Menu Principal
Início
Edições
Notícias
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Revista O Brazinha
Aniversário do Brás
EDIÇÃO 362 - 1ª quinzena de maio/2019
Image            

Curta-nos, siga-nos
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 5837004
Flash de Notícias

Todo 1º domingo do mês, o Movimento Poético de São Paulo faz sarau no Parque do Piqueri

 
Por que as árvores caem? PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
15-Mar-2019


 

Vanilson Araújo

 

ImageDurante o forte temporal do último dia 26/2 caíram mais de 500 árvores só na Região Central de São Paulo, causando susto, contratempo e riscos de acidentes para motoristas e pedestres que circulam pela cidade. A avenida Vautier localizada no bairro do Pari, foi uma das muitas vias parcialmente interditadas pelo Corpo de Bombeiros e técnicos da companhia elétrica que trabalharam juntos na melhor forma de solucionar o transtorno, causado pelo tombo de uma árvore de porte gigante que desgrudou a raiz do chão e destruiu completamente a calçada em sua volta, arrebentando a fiação elétrica até cair desfalecida em cima de uma loja que também foi danificada,

Assim como todo ser vivo, as árvores envelhecem, ficam doentes e morrem, além disso ainda há um agravante que encurta sua vitalidade, o descaso humano com seu mal hábito de sujar as ruas. Quando chove, a sujeira se mistura com a água e fica acumulada nas raízes das árvores, pois as mega construções absorvem o subsolo, o que dificulta a vasão das águas, tirando o espaço da água pluvial, e impedindo que ela vá para o mar. Esse contato prolifera vírus e bactérias que corroem e sugam a saúde e a vida das árvores urbanas, principalmente se forem plantadas próximas a boca de lobo. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ImageManutenção e Precaução

Não é só plantar e necessário cultivar, os órgãos responsáveis pela manutenção das árvores em vias públicas são a Prefeitura e as Subprefeituras, que devem verificar as árvores que já fazem um tempo que foram plantadas, qual a situação das raízes, se o cupim danifica o tronco e deixa-o oco ou se há necessidade da remoção de vegetação parasita. E também, se está faltando vitaminas, analisar a condição de saúde, a fim de minimizar os riscos de queda, proporcionando uma vida longa e de qualidade para as árvores. 

Os moradores não podem plantar a árvore sem antes ter a autorização da Prefeitura, que tem o dever de verificar o local correto para o plantio e o tipo de árvore ideal para a região urbana, ao perceber risco de queda ou necessidade de boda para não prejudicar a fiação elétrica. Também é preciso entrar em contato com a secretaria municipal do Verde e Meio Ambiente. 

 

A importância das árvores 

Quanto mais contato com a natureza, mais benefícios para saúde. Por isso é indispensável plantar árvores nas regiões urbanas, pois com a sua sombra ajuda no equilíbrio térmico amenizando o calor em dias de sol intenso e torna o ar mais puro ao produzir oxigênio, além de trazer elegância estética às ruas e calçadas com sua formosura.

 

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!