hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias seta Edição 356 seta Comércio Legal vai englobar todos bairros
22-Fev-2019
 
 
Menu Principal
Início
Edições
Notícias
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Revista O Brazinha
Aniversário do Brás
EDIÇÃO 358 - 2ª quinzena de fevereiro/2019
        
Image
Curta-nos, siga-nos
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 5424762
Flash de Notícias

Gostaria de receber nossas novidades cadastre-se aqui e receba o nosso newsletter, sempre ficará por dentro de tudo do nosso jornal. Agora se realmente quer novidades sobre nossas edições e atualizações de nosso site em tempo real, adcione o nosso feeds RSS no seu programa predileto de leitor de notícias.

 
Comércio Legal vai englobar todos bairros PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
18-Jan-2019

Image

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em visita ao Largo da Concórdia dia 3 de janeiro último, o prefeito Bruno Covas anunciou a ampliação do perímetro da Operação Comércio Legal no Brás.

Em pouco mais de um mês de atuação, a área abrangida passou de 22.000 para 96.000 m² fiscalizados, onde foram mapeados 3.093 ambulantes irregulares.

A Operação Comércio legal começou em 26 de novembro no quadrilátero que fica entre o Largo da Concórdia e a avenida Rangel Pestana, numa área onde circulam por dia cerca de 330 mil pessoas. Só nessa área, numa comparação do mesmo período do ano de 2017 (26/nov – 24/dez), houve redução de 72% dos furtos e 38% dos roubos. Com o êxito da primeira etapa da ação, a área foi estendida também para as ruas Miller e Barão de Ladário (até a rua Oriente), e também a rua da Juta.

No atual território de abrangência da Operação Comércio Legal funcionam regularmente 505 lojas, que empregam cerca de 10 mil pessoas) e que tinham seus negócios prejudicados pela presença dos vendedores ambulantes, que não pagam impostos.
Em pouco mais de um mês, a Operação Comércio legal apreendeu aproximadamente 4 mil sacos com cerca de 40 toneladas de material majoritariamente pirata. Nesse período, cinco depósitos irregulares foram estourados pela Polícia Militar e Guarda Civil Metropolitana – GCM.

 

Operação ultrapassa o Brás

O prefeito Bruno Covas disse ao Jornal do Brás no Largo da Concórdia dia 3 de janeiro último, que a Operação Comércio Legal poderá ser estendida para todo município. “Iniciamos no Brás de forma tranquila e segura. Uma das obrigações que o poder público tem, em especial a Prefeitura, é botar ordem na cidade. Isso significa a retomada da calçada, em áreas hoje tomadas pelo comércio irregular”.

As ações envolvem não só a Segurança Urbana, disse ele, mas também a secretaria de Desenvolvimento Econômico que ofereceu vagas no mercado de trabalho, seja temporário ou encaminhamento ao CAT, a secretaria de Direitos Humanos e Cidadania, onde mais 1.000 imigrantes foram atendidos por meio do Centro de Referência e Atendimento para Imigrantes (CRAI) e a secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, que atende a população de alta vulnerabilidade, oferecendo alimentação e acolhimento.

Finalizando, Covas afirmou que a operação vai durar enquanto for necessária, ou seja, não tem data para terminar.

Image

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Prefeito Bruno Covas num clic com o delegado titular do 12º DP, Dr Eder Pereira e Silva

 

 

 

 

 

 

 

 

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!