hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias Jornal do Brás seta Edição 324 seta O Dia dos Pais e sua importância para estreitar os laços familiares
05-Abr-2020
 
 
Menu Principal
Início
Edições Jornal do Brás
Notícias Jornal do Brás
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Aniversário do Brás
Revista O Brazinha
Edições Jornal do Belém
EDIÇÃO 383 - 2ª quinzena de março/2020
Image                                    

Jornal do Belém Ed 2 - 12/03/2020
Image  
Redes Sociais
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 7611834
Flash de Notícias
Plataforma oferece gratuidade
para médicos atenderem on-line

 

São Paulo, 2 de abril  de 2020 – A plataforma Mymedi, que funciona como um prontuário eletrônico, com base audiovisual para telemedicina, está oferecendo gratuidade para médicos e instituições de saúde que necessitem atender seus pacientes remotamente.
 
Para o médico e um dos idealizadores do Mymedi, Dr. Paulo Lázaro, já é esperada uma saturação dos serviços de saúde em todo o país, em decorrência do coronavírus, principalmente para aqueles que oferecem atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS), que atendem 75% da população brasileira.  Mesmo consultórios e clínicas particulares precisam encontrar maneiras para dar apoio e orientação aos pacientes que não podem sair de casa.

 A consulta direta do paciente com seu médico de confiança ajuda não só a sanar dúvidas e eliminar angústias como conter informações incorretas que são amplamente disseminadas em períodos de propagação de novas doenças.

 "Hoje é imprescindível o isolamento, como orienta a Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde. Só assim poderemos garantir que o vírus Covid-19 não se propague em uma velocidade absurda. Um paciente idoso, que está no grupo de risco, por exemplo, pode ter um simples problema de saúde, que uma orientação online poderá resolver, sem a necessidade de locomoção até o consultório. Por conta disso, liberaremos gratuitamente o acesso a nossa plataforma, onde é possível consultar o prontuário e fazer o atendimento de pacientes de forma remota, priorizando consultas presenciais apenas para casos de maior gravidade", explica o médico.

O conceito da telemedicina ganhou força nos Estados Unidos a partir dos anos 1950, enquanto no Brasil o debate sobre o tema só começou muitos anos depois. Hoje, em meio à pandemia é um conceito que se faz necessário. 

No prontuário eletrônico - que já funciona em algumas clínicas privadas - é possível ter uma sala de consultório virtual, onde o médico se conecta por um link.  Não é necessário baixar nenhum programa. O médico apenas faz sua inscrição e cria a sua sala de atendimento.  Depois, encaminha o endereço eletrônico para seu paciente, marca o horário e realiza a consulta remotamente.

 A vantagem do Mymedi, segundo Lázaro, é que, além de atender virtualmente o paciente, o médico poderá preencher o prontuário, armazenar exames,  preservando todo o histórico das consultas em um mesmo ambiente, o que não é possível fazer em outros ambientes como como aplicativos de mensagens e vídeo-chamada, e-mails e redes sociais. 

O sistema oferece ainda informações sobre a bula de medicamentos, o CID e atestado aos pacientes. Um fator importante é todos os dados do paciente são mantidos em segurança, respeitando a confidencialidade médico-paciente. 

 "Além de oferecer assistência virtual, por meio do Mymedi também é possível realizar prescrições e pedido de exames com assinatura digital, mantendo a segurança dos pacientes, principalmente aqueles que precisam passar por consultas de acompanhamento, garantindo que eles se exponham menos. É ainda maneira de não sobrecarregar os sistemas de saúde nesse momento tão delicado pela qual estamos passando" diz Dr. Paulo Lázaro.

Outro idealizador da plataforma, o médico Dr. Marcelo Santoni conta que foram realizadas experiências em algumas clínicas no interior de São Paulo e a resposta foi muito positiva.  "O que nos deixou satisfeitos é que o retorno foi altamente satisfatório para a teleconsulta, tanto por parte dos médicos, como por parte dos pacientes. Os testes mostraram que a nova modalidade tem tudo para ser uma excelente opção, ainda mais neste momento de crise". 

Dr. Santoni esclarece, ainda, que o prontuário ficará armazenado para a consulta do médico solicitante, mesmo que o prazo de gratuidade do sistema tenha acabado.  Ele também salienta que o atendimento virtual não foi criado para substituir a consulta presencial e sim para agilizar e orientar condutas com maior rapidez e dar o diagnóstico prévio. Deste modo, aqueles que não podem comparecer a hospitais, consultórios e clínicas não ficam sem atendimento.

Pelo sistema do Mymedi também é possível montar uma sala de conferência, caso o profissional necessite da opinião de outros especialistas, por exemplo. "Há muito tempo vínhamos detectando a necessidade de aplicativos para a telemedicina e telesaúde. Hoje já nem é mais uma tendência. Passou a ser de extrema necessidade, em razão do perigo do risco de contágio do coronavírus", finaliza.

 
Serviço:

Mymedi
https://mymedi.com.br
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email  

Fonte: Artifício Comunicação 
 
O Dia dos Pais e sua importância para estreitar os laços familiares PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
04-Ago-2017
Image

A ideia inicial para a criação do Dia dos Pais foi o de criar datas para estreitar os laços familiares e o respeito por aqueles que nos deram a vida.

De acordo com a história, em 1909, nos Estados Unidos, Sonora Louise Smart Dodd, filha do veterano da Guerra Civil John Bruce Dodd, teve a ideia de instituir o Dia dos Pais porque queria homenagear seu próprio genitor.

Ela enviou uma petição à Associação Ministerial de Spokane, em Washington, e pediu auxílio a uma Entidade de jovens Cristãos.

O primeiro Dia dos Pais norte-americano foi comemorado em 19 de junho de 1910, data do aniversário do pai de Sonora e a rosa foi escolhida como símbolo do evento, sendo que as vermelhas eram dedicadas aos pais vivos e as brancas aos falecidos.

Em 1924, o presidente americano Calvin Coolidge apoiou a ideia da realização de um Dia dos Pais nacional, e, em 1966, o presidente Lyndon Johnson assinou uma proclamação presidencial declarando o terceiro domingo de junho como o Dia dos Pais, porém alguns dizem que o dia foi oficializado pelo presidente Richard Nixon em 1972.

Em pelo menos 11 países, comemora-se essa data cada um a sua maneira. Na Itália e em Portugal, a festividade acontece no dia 19 de março, dia de São José, enquanto no Reino Unido, o dia dedicado aos pais é o terceiro domingo de junho, mas passa sem muita festividade. Lá é comum os filhos agradarem aos pais com cartões e não com presentes. Na Argentina, a data é festejada no terceiro domingo de junho com reuniões em família e presentes.

No Brasil, a cada ano que passa, o Dia dos Pais ganha força e mostra cada vez mais importância no calendário de comemorações. Promoções especiais são elaboradas pelas lojas de presentes e o movimento nos restaurantes fica maior.

É comum se observar filhos acompanhados dos pais para participar de reuniões que têm como objetivo estreitar os laços familiares entre pais e filhos.

 

Mensagem

A todos os pais a seguinte mensagem: Ser pai é mais do que o ato de gerar um ser.

Ser pai é um ato de amor, de esperança e de fé.

Amor porque só ele constrói a imagem de um mundo melhor onde as gerações futuras possam respirar o ar da liberdade sem o qual não podemos manter o oxigênio que alimenta nossos sonhos.

Ser pai é manter a esperança de que as gerações futuras possam viver um mundo digno de ser vivido.

Ser pai é não perder a fé, porque só ela nos leva à presença de Deus sendo merecedor do seu perdão.

Colaboração: Filomena Pécora.

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!