hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias Jornal do Brás seta Edição 311 seta Criscuolo anuncia planos na Região Mooca
25-Mai-2020
 
 
Menu Principal
Início
Edições Jornal do Brás
Notícias Jornal do Brás
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Aniversário do Brás
Revista O Brazinha
Edições Jornal do Belém
EDIÇÃO 385 - 2ª quinzena de abril/2020
Image                                      

Jornal do Belém Ed 2 - 12/03/2020
Image  
Redes Sociais
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 7935050
Flash de Notícias

Gostaria de receber nossas novidades? cadastre-se aqui e receba o nosso newsletter, sempre ficará por dentro de tudo do nosso jornal. Agora se realmente quer novidades sobre nossas edições e atualizações de nosso site em tempo real, adcione o nosso feeds RSS no seu programa predileto de leitor de notícias.

 
Criscuolo anuncia planos na Região Mooca PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
20-Jan-2017


Dia 10 de janeiro último no SENAI Theobaldo de Nigris foi realizada a primeira reunião do Conselho Participativo Municipal Mooca, marcada pela apresentação do prefeito regional da Mooca, Paulo Sergio Criscuolo, e participação do coordenador Rafael Eduardo Passos Arantes e secretária-geral Samara Santos Hora.

Image

Autêntico morador da Mooca, Paulo Sergio Criscuolo é engenheiro civil, administrador de empresas e advogado pós-graduado em engenharia de segurança. Atuou durante 35 anos na Sabesp e já foi coordenador de Infraestrutura e Obras da Subprefeitura da Vila Prudente e coordenador do Programa Córrego Limpo. Além de tudo, é assessor especial na Companhia Paulista de Obras e Serviços, conselheiro do Clube Atlético Juventus e do Parque Sabesp Mooca Fiori Gigliotti.

Ao fazer uso da palavra, Paulo Sergio disse que a responsabilidade é grande. “Temos que atender os moradores e comerciantes deste distrito. É uma filosofia do prefeito João Doria e do vice-prefeito Bruno Covas ter a participação de todos, para renovar a cidade”. O novo prefeito regional pediu a ajuda de todo Conselho Participativo no seu árduo trabalho.

Ele disse que o prefeito João Doria é um empresário dinâmico. “O contribuinte está cansado do que está acontecendo. Ninguém suporta mais as mazelas da gestão anterior”.

 

Ciclovias, camelôs e pancadões

Ele ressaltou que muitos problemas precisam ser resolvidos, como os pancadões, comércio informal nas ruas, falta de áreas verdes, shoppings populares – em profusão na região Brás/Pari, colapso no trânsito e ciclovias em áreas comerciais, o que ele considera um absurdo. “O que aconteceu foi um abandono da zeladoria”. Paulo lembrou o legado deixado pelo ex-subprefeito Eduardo Odloak que transformou o Largo da Concórdia em uma linda área verde. “Os ambulantes estão querendo voltar. Não podemos permitir isso”.

Paulo Sergio reiterou que o orçamento da Prefeitura Regional, de R$ 46 milhões, é da administração anterior. “Estão sendo revistos todos os contratos e as condições que foram oferecidas”. Disse ainda que todos os vereadores serão recebidos na Prefeitura Regional. Finalizando, disse: “As demandas do Brás, Pari e Canindé precisam ser tratadas com carinho. O que não pode é deixar do jeito que ficou”.

Image

A palavra dos Conselheiros

Maria Izabel, conselheira participativa, conselheira do CADES e conselheira-diretora do Conseg Mooca lembrou que o Parque do IAPI está fechado desde 2011

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

Claudinei reclamou sobre bueiros e sujeira na região Brás/Pari. “Todas as vezes eu faço SAC, conheço bem o sistema” – disse ele, pedindo caçambas. Sobre a galeria da rua São Caetano, o conselheiro explicou que ela não dá vazão para a sujeira que cai. “Se não reter a sujeira, a água não passa e aí vem as enchentes”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 

Adam é conselheiro dos imigrantes da Sub Mooca. “Todos os que estão aqui são imigrantes e serão bem tratados” – observou o prefeito regional Paulo Sergio

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

O conselheiro Rogério Lima é da Cooperativa de Trabalho de Profissionais do Comércio Solidário do Brás - Coopsbras. “A gente compra de um grupo de amigos e vendemos em grupo. É uma forma de sustentabilidade. Represento 5.000 pessoas e atuamos durante a madrugada” – disse ele, que pede que o empreendedor urbano de rua seja mais reconhecido

 

 

 

 

 

 

 

Image

Alex representou a Cofebras da Feira da Madrugada. “Todo camelô não é bandido e não é reconhecido pelos órgãos públicos desta cidade” – disse ele. Paulo Sergio respondeu: “Estamos assumindo uma situação muito crítica. Todos esperamos uma recuperação da economia. O serviço público precisa ser respeitado e respeitar vocês. Alguém fez alguma coisa errada”. Nair Costa disse que o prefeito João Doria prometeu construir o Shopping do Povo e dar condições de trabalho aos ambulantes. “Qualquer gestor inteligente valoriza quem trabalha” – disse Rafael

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 

A conselheira Elizangela do Pari espera que as dificuldades da gestão passada sejam superadas. “Que seja um trabalho social e menos individualista”

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 

Demandas da comunidade

Amigos do futebol amador da Bresser pediram mais atenção do prefeito regional, sobretudo, segurança, devido a invasões no CDM

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 

 

Marcos Ricci secretário-executivo da Alobrás, veio pedir intensificação da Operação Delegada

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

Sidnei, ex-morador de rua que trabalhou na Casa São Lázaro na rua Brigadeiro Machado, sendo em seguida eleito no Conselho Tutelar da Mooca em dois mandatos, formou-se em Pedagogia e trabalha atualmente em uma ONG para idosos. “A população de rua afeta os distritos da Prefeitura Regional e estou à disposição como parceiro”

 

 

 

 

 

 

 

 

Image

Elton, morador do Brás, reclamou do problema das favelas nos baixos do viaduto Alcântara Machado. “Muitas pessoas têm sido assaltadas no local, além do problema do tráfico de drogas”. O prefeito regional Paulo Sergio respondeu que serão feitas ações no local para resolver o problema, com atuação conjunta das secretarias de Desenvolvimento Social, Habitação e de Governo

 

 

 

 

 

 

 

Image

Sueli trabalhou na gestão do subprefeito Evando Reis. E questionou: “A Operação Delegada também irá fiscalizar os mais de 74 shoppings irregulares no Brás durante a madrugada?”. Paulo Sergio disse que deve ter havido conivência para essa irregularidade. “Não é caso de polícia”

 

 

 

 

 

 

 

Image

 

 

 

 

 

Milton George e Rafael Falanga

 

 

 

 
Próximo >
 
Top! Top!