hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias seta Edição 303 seta Fala que eu te escuto
21-Set-2019
 
 
Menu Principal
Início
Edições
Notícias
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Revista O Brazinha
Aniversário do Brás
EDIÇÃO 371 - 2ª quinzena de setembro/2019
Image                       

Redes Sociais
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 6520841
Fala que eu te escuto PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
19-Set-2016
Image


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entidades do Brás acolhem pessoas carentes de todas as idades

 

Eduardo Martellotta

Eles têm em comum, a solidariedade e um coração de ouro. Presentes no lançamento do livro “Vamos falar do Brás?” da escritora e jornalista Thais Matarazzo, Manoel Martins Miranda da Casa de Simeão e José Luiz da Associação Reciclázaro, contaram um pouco do trabalho desenvolvido nas suas entidades.

Manoel Miranda da Casa de Simeão – rua Assunção, 480, informou que a ONG atende pessoas em situação de rua e acima de 60 anos. A casa tem espaço para 150 pessoas e oferece café da manhã e janta aos idosos, que são encaminhados às atividades da Reciclázaro. Contatos com a Simeão pelos fones 3311-7864 e 3228-2064.

José Luiz disse que na Reciclázaro, situada na rua do Gasômetro, 821 – embaixo do viaduto do Gasômetro, são oferecidos cursos de manutenção de micro e de manicure/pedicure a pessoas carentes. A novidade é o de maquiagem. Além disso, tem o Centro de Formação Profissional e Educação Ambiental – Cefopea na av. Ariston de Avezedo, 10, com vários programas, cursos e geração de renda. A faixa etária dos cursos vai dos 14 anos até os 60. A entidade também orienta moradores em situação de rua. “Recepcionamos eles, escutamos os seus problemas, analisamos a situação e vemos o que podemos fazer”, explicou Luiz, acrescentando que associação conta com psicólogos e assistentes sociais. A Reciclázaro atende no fone 3311-0421.

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!