hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias Jornal do Brás seta Edição 198 seta Sujeira e insegurança na Zona Cerealista
17-Fev-2020
 
 
Menu Principal
Início
Edições Jornal do Brás
Notícias Jornal do Brás
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Aniversário do Brás
Revista O Brazinha
Edições Jornal do Belém
EDIÇÃO 380 - 1ª quinzena de fevereiro/2020
Image                                 

Jornal do Belém Ed 1 - 20/01/2020
Image
Redes Sociais
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 7326244
Flash de Notícias

Gostaria de receber nossas novidades? cadastre-se aqui e receba o nosso newsletter, sempre ficará por dentro de tudo do nosso jornal. Agora se realmente quer novidades sobre nossas edições e atualizações de nosso site em tempo real, adcione o nosso feeds RSS no seu programa predileto de leitor de notícias.

 
Sujeira e insegurança na Zona Cerealista PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
23-Mai-2011
Image
Foto: Hakim Hamra

 

O comerciante Oswaldo Lodes Jr. denunciou ao Jornal do Brás, que o lixo na Zona Cerealista impede a passagem e entrada dos consumidores em lojas de produtos naturais na avenida Mercúrio esquina com a rua Polignano A Mare.

Segundo ele, comerciantes informais, moradores e catadores de lixo despejam o lixo logo no começo da manhã. “Não há seriedade na coleta do lixo”, afirmou ele, que pede para a Prefeitura implementar um programa de coleta de lixo eficiente no local. “Os clientes pisoteiam o lixo, que atrai muitos ratos”, contou Oswaldo.

Os maiores problemas da Zona Cerealista são, de acordo com Oswaldo, a sujeira e a insegurança.

Image
 Foto: Eduardo Cedeño Martellotta

 

Famosa por abastecer o Brasil inteiro, a Zona Cerealista é localizada junto ao Mercado Municipal e conta hoje com os maiores importadores de produtos alimentícios – desde os naturais, como linhaça, quinoa, aveia em flocos, castanhas, arroz integral, passando pelos básicos como cebola, batata e pimentão até os mais sofisticados, como azeites e vinhos importados. Existem cerca de 3.000 produtos, contou Oswaldo, nas 146 lojas da Zona Cerealista. Ele acredita que até 2014, haverá aumento de 35% no consumo de produtos naturais.

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!