hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias Jornal do Brás seta Edição 180 seta O Valor do Sorriso
17-Fev-2020
 
 
Menu Principal
Início
Edições Jornal do Brás
Notícias Jornal do Brás
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Aniversário do Brás
Revista O Brazinha
Edições Jornal do Belém
EDIÇÃO 380 - 1ª quinzena de fevereiro/2020
Image                                 

Jornal do Belém Ed 1 - 20/01/2020
Image
Redes Sociais
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 7325542
Flash de Notícias

Caro Internauta, continuamos a disponibilizar nossas edições em PDF publicamente e para receber nossas novidades é só fazer o cadastro clicando aqui assim será sempre avisado de nossos conteúdos e eventos.

 att,

 Equipe Jornal do Brás

 
O Valor do Sorriso PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
28-Mar-2011
Image

José Moura Gomes *

Acredito de há muito, que a pessoa com um bom sorriso é sempre bem recebida. Numa sexta-feira tive prova disso. Entrei numa repartição pública faltando 15 minutos para o término do expediente (17h30). Eu desejava falar com o diretor. Na ante-sala havia duas senhoras já de mesas limpas, braços cruzados e de olho no relógio. Olharam-me rancorosas. Certamente pensaram: “Já vem este chato, no fim do expediente nos incomodar”.

Antes que elas informassem que o diretor só atenderia na segunda-feira, resolvi reverter à situação. Sorrindo, falei: que bom que é sexta-feira. Sexta é o melhor dia. Teremos o sábado e o domingo para passear, caminhar, tomar sorvete, pular corda e jogar peteca com as crianças. Elas sorriram. Talvez por ouvirem um senhor, de terno e gravata falando de pular corda e jogar peteca.

Depois, perguntei o nome delas e me apresentei. Em poucos segundos pareciam ser minhas velhas amigas. Falei com o diretor em poucos minutos e quando ia saindo, sempre sorrindo, desejei a ambas um bom final de semana. Nos rostos irradiava felicidade.     

O sorriso é, sem dúvida, um meio simples de causar uma boa impressão à primeira vista. Pode abrir portas e facilitar a solução de problemas; melhorar a nossa vida. Nada adianta, pela manhã, sairmos de casa, bem vestidos, penteados e perfumados, se temos semblante áspero, rancoroso. Portanto, um bom sorriso vale mais que tudo isso.

Os animais, como não sabem sorrir usam de outros métodos para nos agradar. O cachorro fica tão contente quando nos vê, que pula e levanta as patas dianteiras abanando o rabo. O gato pula no nosso colo e fica se esfregando. O cavalo vem ao nosso encontro correndo e relinchando.

O dono de uma lanchonete disse-me que prefere contratar uma garçonete de pouca experiência e de pouca instrução, que sorri, do que uma com experiência e colegial completo, de cara fechada.

Se você quer conseguir uma informação de alguém, realizar um negócio, arranjar um emprego, sorria. Se quer fazer amigos, sorria. Se quer influenciar pessoas, sorria. E mais: o sorriso dissipa as preocupações.

Sorria sempre. Não custa nada!

 

* José Moura Gomes é jurista, escritor e conferencista

Autor do livro “Querer é Poder”

 

 

 

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!