hostconect.net
Jornal do Brás Advertisement
Início seta Notícias Jornal do Brás seta Edição 180 seta Alckmin anuncia queda histórica no índice de mortalidade perinatal
20-Fev-2020
 
 
Menu Principal
Início
Edições Jornal do Brás
Notícias Jornal do Brás
Expediente
Links
Contato
Procurar
A História do Jornal
Jornalista Edu Martellotta
Cadastro de Empresas
Onde estamos
Campanha de Assinaturas
Jornal "O Braz"
Aniversário do Brás
Revista O Brazinha
Edições Jornal do Belém
EDIÇÃO 381 - 2ª quinzena de fevereiro/2020
Image                                  

Jornal do Belém Ed 1 - 20/01/2020
Image
Redes Sociais
Image


Jornal do Brás

 

Image

 

Jornal do Brás

 

 

Image

 

Tarde de Chá

Estatísticas
Visitas: 7340496
Flash de Notícias

Gostaria de receber nossas novidades? cadastre-se aqui e receba o nosso newsletter, sempre ficará por dentro de tudo do nosso jornal. Agora se realmente quer novidades sobre nossas edições e atualizações de nosso site em tempo real, adcione o nosso feeds RSS no seu programa predileto de leitor de notícias.

 
Alckmin anuncia queda histórica no índice de mortalidade perinatal PDF
Classificação: / 0
FracoBom 
24-Mar-2011
Image

Governador também faz visita à Maternidade Leonor Mendes de Barros, no Belém

O governador Geraldo Alckmin anunciou no último dia 17 de fevereiro, que o índice de mortalidade perinatal do Estado chegou ao nível mais baixo da história. É o que aponta o mais recente balanço da Secretaria da Saúde, produzido em parceria com a Fundação Seade.

Segundo o novo boletim, a taxa de mortalidade perinatal, que se refere aos óbitos fetais a partir da 22ª semana de gestação até sete dias completos após o nascimento caiu 25% em 10 anos no Estado. O índice, que era de 18,5 por mil nascidos vivos e nascidos mortos no ano 2000, passou para 13,8 em 2009. Isto significa uma vida salva a cada quatro gestações ou nascimento, na comparação com o início da década, ou 4,7 mil vidas salvas neste período.

"Viemos anunciar aqui no Hospital e Maternidade Leonor Mendes de Barros, aqui na zona leste, no Belém, onde nasce uma criança por hora e é um hospital de gravidez de alto risco também. Nós estamos hoje numa pole position que nos alegra muito, junto com Santa Catarina, (temos) os menores índices de mortalidade perinatal do Brasil. Isso foi feito com muito trabalho junto às gestantes. São Paulo tem sete consultas de pré-natal, atendimento à mãe, ao parto, UTI neonatal, atendimentos ao neonato", declarou Alckmin, enumerando algumas das ações desenvolvidas pelo Estado para atingir o patamar histórico.

Ainda segundo o levantamento, a redução da mortalidade perinatal no Estado pode ser atribuída, principalmente, à queda do número de óbitos que foram reduzidos por diagnóstico e tratamento precoces de doença ou por uma atenção especial e adequada ao parto, além de medidas de controle da gravidez.

ImageAmpliação de ambulatório do Hospital

Durante o anúncio da queda histórica, o governador Geraldo Alckmin aproveitou a ocasião para informar a ampliação do ambulatório do Hospital Leonor Mendes de Barros: "Nós vamos fazer um novo ambulatório para atender ainda melhor aqui a região leste aqui da Grande São Paulo", declarou.


 

 
< Anterior   Próximo >
 
Top! Top!